> Delegado Rômulo se antecipa prende suspeito por tráfico de drogas e impede que 23 kg de maconha seja distribuídas para bocas de fumo

Delegado Rômulo se antecipa prende suspeito por tráfico de drogas e impede que 23 kg de maconha seja distribuídas para bocas de fumo

Posted on quarta-feira, 7 de outubro de 2015 | No Comments

A Polícia Civil de Timbiras, comandada pelo delegado Rômulo Vasconcelos, prendeu ontem, 6, na saída da cidade, o suspeito de tráfico Daniel Oliveira dos Santos, de 27 anos.
Droga apreendida na casa de DANIEL
Droga apreendida na casa de DANIEL
Ele estava sendo monitorado havia 3 meses e ontem a polícia ficou sabendo que seria entregue uma grande quantidade de maconha.
Daniel (foto enviada pela POLÍCIA)
Daniel (foto enviada pela POLÍCIA)
Ao ser abordado em Timbiras, nada foi encontrado no carro, mas como o suspeito estava sem qualquer documento de identificação, foi levado à suas 3 casas na cidade de Coroatá, onde a polícia desconfiava que estava guardada a droga.
Já em Coroatá, Daniel ainda tentou levar os policiais, agora já com o apoio do delegado Alex Aragão, à casa do sogro que nada tinha a ver com o caso, mas o plano não deu certo. Pressionado, entregou a casa certa e a droga, quase 23 quilos de maconha, avaliada, segundo Rômulo Vasconcelos, em R$ 230.000,00.
“Timbiras só tem pequenas bocas e a gente queria pegar um grande traficante que é esse cara que fornece na cidade de Timbiras, com isso nós conseguimos fazer um grampo no celular dele, vínhamos monitorando ele há aproximadamente 3 meses e ontem ele conseguiu conversar com um traficante de Timbiras que ele ia se deslocar pra cidade de Timbiras pra fazer uma entrega, nós fizemos uma campana na saída da cidade de Timbiras, fizemos uma abordagem, dentro do veículo não foi encontrado nada, mas como ele tava sem nenhum documento pessoal nós nos deslocamos pra casa dele lá em Coroatá e ele nos levou à outra casa, as três casas dele estavam sendo monitoradas e nós já sabíamos onde estava a droga”
“Ele nos levou à casa do sogro dele e eu falei – olha, a casa não é essa, mostra a casa – aí com isso ele já perdeu o fôlego e foi direto pro quarto onde tava uma caixa lá coberta de um saco preto onde tinham, aproximadamente, 23 quilos de alecrim, que é uma droga mais pura, feita em laboratório, feita da semente da flor da maconha, então ele tomou prejuízo de mais de R$ 230.000,00”, contou em entrevista à FCFM hoje no cidade noticias...

Leave a Reply

Tecnologia do Blogger.