> Policia aprende drogas e armas de fogo em Codó !

Policia aprende drogas e armas de fogo em Codó !

Posted on sexta-feira, 28 de outubro de 2016 | No Comments

Drogas e armas apreendidas

Foram presos na tarde do dia, 26,   Jeremias da Silva e Silva, 31 anos, mais conhecido como Jereba, na rua Tocantins, e Jean Carlos Alves dos Santos, o Kiko, de 29 anos,  na rua Brasília, ambos no residencial Santa Rita.
O delegado que efetuou a prisão, Rômulo Vasconcelos,  contou à imprensa que dois revólveres com balas, uma pequena quantidade de Cocaína  e cerca de 18 quilos de maconha pertencem aos dois, que são comparsas em  um crime que começou fora do Maranhão.
O CAMINHO DA MACONHA
A droga foi enviada de Caldas Novas, Estado de Goiás. Aqui o transportador, cujo nome não foi revelado,  disse que havia perdido, mas, na verdade, segundo investigação da polícia, ele a havia escondido na zona rural de Codó, povoado Sabiazal. Os traficantes destinatários organizaram um resgate, houve tiroteio e dois saíram baleados, entre eles um suspeito identificado como Pica-pau.
Toda esta movimentação criminosa acabou chamando a atenção da polícia e a investigação que se deu a partir daí resultou na apreensão e nas prisões.
 “A droga veio de Caldas Novas, entrou em Codó, mas, na verdade, eles foram enganados pelo cara que foi buscar a droga em Caldas Novas e eles conseguiram resgatar essa droga, nesse resgate saíram duas pessoas baleadas, uma na perna outra no tórax e com isso nós desmembramos a investigação e conseguimos chegar ao restante da droga, a gente conseguiu perder ainda 3 peças, porque essas três peças já tinham sido vendidas”, explicou o delegado
Sobre  Jereba e Kiko não existem mais dúvidas.
 “A droga estava com o Kiko guardada no seu quintal, enterrada, mas a droga era do Jereba, ele era o proprietário da droga, essa droga veio pra ele e ele presenteou o Kiko com um 38 (revólver) pra ele guardar a droga (…) mas a gente sabe que tem em depósito, guarda substância entorpecente é crime no país e ele vai responder por associação para o tráfico, pelo tráfico e porte ilegal de arma”, disse Dr. Rômulo
Eles vão ficar a disposição da Justiça mas a investigação continua porque mais pessoas deverão ser ouvidas e  presas nos próximos dias por envolvimento com este mesmo crime.
Texto do acelio

Leave a Reply

Tecnologia do Blogger.