> Respeito o povo codoense – Mas todos deveriam aprender um pouco com Caxias – MA !

Respeito o povo codoense – Mas todos deveriam aprender um pouco com Caxias – MA !

Posted on sábado, 8 de outubro de 2016 | No Comments

Resultado de imagem para rebeldia nas urnas
Caros leitores, quero aqui lembrá-los que o Blog do Bezerra nasceu há quase dois anos, nunca se sujeitando a acordos e vendas de matérias para promover um ou outro político, nosso compromisso é com a informação e uma informação com responsabilidade e sem maquiagem. Sei o quanto dói para aqueles que são acostumados a viver à sombra de jornalistas e blogueiros prostituídos e que distorcem a notícia para enganar o leitor ou o analfabeto.
Nunca fomos tão execrados quanto esse período pré-eleitoral por aqueles que pela conviniencia se aproximou do Blogueiro para que ele pudesse amenizar o discurso e pudesse até mudar a linha editorial do Blog, quero aqui deixar bem explícito que:
a- não desviaremos o foco de nossa visão futurista para a cidade;
b- não farei acordo para vender notícia para a prefeitura de Codó, e me parece que eles não se preocupam muito com isso porque o humilde Blog do Bezerra para eles não tem muito acesso;
c- continuaremos com a mesma linha editorial do Blog, tendo uma visão crítica e responsável de noticiar fatos que outros não poderão por conta de acordos realizados às escuras;
d – por fim ameaçar um comunicador é tentar calar uma voz de forma criminosa e anti democrática, mesmo asim, não baixaremos a gurda para quem quer que seja.
Caxias um exemplo a ser seguido? Democraticamente sim!
A vizinha cidade de Caxias-MA, tornou se um exemplo a ser seguido. Por lá o eleitor sabe o momento certo de dár um basta naquilo que os incomoda, ao longo dos tempos. Oligarquias ou Clãs têm vida útil, foi assim com Paulo Marinho e agora com o Clã dos Coutinhos, sabe se lá se o patriarca ou qualquer parente dele consiga ganhar alguma eleição depois desta resposta nas urnas tirando do comando da cidade o prefeito Léo Coutinho.
Estamos vinte anos atrasados em relação à cidade vizinha, digo isso me baseando na chegada de uma Universidade Pública, este foi o intervalo de tempo entre as duas cidades, por lá chegou a Universidade Estadual do Maranhão – UEMA, vinte anos depois em Codó, chegou a Universidade Federal do Maranhão -UFMA. A chegada de uma Universidade a um local, acarreta em uma série de mudanças sociais. Muda se a rotina do povo ver o mundo, claro de forma gradual. Em Codó, cerca de 800 alunos estão no Ensino Superior, cerca de 6,6% da população, ainda é cedo para se cobrar um amadurecimento político da população, torna se ainda mais difícil quando uma classe dominante chega ao poder da forma como chegou, massacrando e comprando os pequenos partidos políticos, utilizando se de uma estrutura empresarial e a estrutura de um bem público que é o servidor e principalmente os que ocupam os cargos comissionados.
Vitoriosos foram os candidatos derrotados nas urnas, digo isto porque somando todos os gastos das campanhas de Biné Figueiredo, Pedro Belo, Chuiquinho e Professor Rafael, anda e longe o gasto do candidato vitorioso Francisco Nagib, só não podemos chamar de golpe, porque cada eleitor teve a oportunidade de dizer não, porém quase 44% dos eleitores aprovaram a proposta do vencedor.
Agora, o prefeito eleito Francisco Nagib terpa a responsabilidade moral de realizar um governo justo, democrático e futurista para os codoenses, Nagib precisa governar para o povo e não “para seu povo”. As licitações precisam ser disputadas e não manipuladas para benefícios ilícitos e pessoais ligados ao seu grupo.
Caso contrário, o amadurecimento político pode aflorar no codoense e o comportamento igual ao do povo caxiense poderá refletir no eleitor codoense e a resposta de repúdio poderá ser dado nas urnas em 2020.
Fonte Do Blog Do Bezerra

Leave a Reply

Tecnologia do Blogger.