> Justiça decreta prisão preventiva de idoso codoense que tentava fazer saques em Timbiras com documentos falsos !

Justiça decreta prisão preventiva de idoso codoense que tentava fazer saques em Timbiras com documentos falsos !

Posted on segunda-feira, 21 de janeiro de 2019 | No Comments

O delegado Gilvan Lucas de Sousa contou à reportagem do blogdoacelio que foram funcionários da Agência do Banco do Brasil de Timbiras que acionaram a polícia quando o codoense Sebastião Oliveira Baima, de 64 anos, apresentou uma identidade que tinha a fotografia dele com dados de uma outra pessoa identificada como ELIEZER OLIVEIRA MUNIZ.
Na agência o idoso preso tentava fazer duas coisas – uma prova de vida para, posteriormente, realizar saques. Só não contava com o fato de que o Banco tem em seus arquivos cópias da documentação original de Eliezer Oliveira Muniz, pessoa pela qual ele tentava se passar, aí foi só observar que as fotografias não batiam.
VIVO OU MORTO?
Agora a investigação tenta chegar à vítima que estava tendo seu nome usado no golpe, quer saber se ainda está vivo.
“Nós já identificamos pessoas ligadas ao Eliezer, que era, justamente, por quem o Sebastião tava tentando se passar lá no banco, e essa investigação ainda tá em curso ainda e logo, logo nós vamos chegar à uma conclusão”, disse o delegado
Para  a autoridade policial que preside o inquérito, se tivesse dado certo provavelmente o intuito do idoso, que teve prisão preventiva decretada pela Justiça de Timbiras em audiência de custódia e, por isso, permanece preso,  seria ter acesso à benefícios previdenciários de maneira fraudulenta, algo que motivará outra linha de investigação.
“Possivelmente esse Sebastião ele tava se passando por uma outra pessoa pra receber benefícios previdenciários, só que inicialmente nós o autuamos por uso de documento falso e a partir daí nós vamos instaurar outro procedimento pra apurar essa outra questão que é liga às fraudes previdenciárias”, disse o delegado
OUÇA ENTREVISTA DO DELEGADO

Leave a Reply

Tecnologia do Blogger.