Rádio Eldorado de Codó

quinta-feira, 25 de novembro de 2021

Vice governador-Ma Carlos Brandão garante melhorias para Codó após reunião com o prefeito Zé Francisco

O vice-governador do Estado do Maranhão, Carlos Brandão, recebeu o prefeito do município, Dr. Zé Francisco e toda sua equipe de governo. O encontro aconteceu no Palácio dos leões em São Luís na quarta-feira (24).

De acordo com o prefeito de Codó, Dr. Zé Francisco, a parceria com o governo do estado tem como objetivo garantir melhorias e desenvolvimento para o município. 

“A convite do vice-governador do estado do Maranhão, Carlos Brandão, estivemos com toda nossa comitiva na capital maranhense para uma reunião. Na oportunidade tratamos de vários assuntos, tais como parcerias para o município, assuntos políticos e outras ações que serão realizadas em Codó, tendo em vista que ano que vem o vice-governador estará assumindo o comando do governo do estado. 

Uma reunião bastante proveitosa onde saímos com a certeza que Codó terá dias melhores”, pontuou o gestor em suas redes sociais.

Carlos Brandão agradeceu a visita e reiterou a disponibilidade do Governo do Estado em auxiliar o município de Codó. 

“Fruto de uma parceria entre governo do estado e prefeitura de Codó, iremos continuar levando os investimentos necessários ao município, dando continuidade ao trabalho do governador Flávio Dino, agradeço ao prefeito Dr. Zé Francisco que prontamente atendeu nosso pedido.

ASCOM- PMC

Dados do Governo federal do ministerio da saúde registra redução de morte infantil no governo de Zé Francisco em Codó

Nesse primeiro ano reduzimos a Mortalidade Infantil em Codó-MA quase pela metade. 

A mortalidade infantil é um dos principais indicadores de saúde que medem a qualidade de uma gestão em saúde e se refere a óbitos de crianças menores de 1 ano de idade.

No gráfico podemos observar os números do Ministério da Saúde relativos aos quatro anos da gestão passada (2017 a 2020) em comparação com o primeiro ano da gestão Cidade de Todos:

2017: 09 óbitos 

2018: 08 óbitos 

2019: 08 óbitos 

2020: 11 óbitos

(2021: 06 óbitos)

Ou seja, mesmo sendo o 1° ano da gestão atual e com todas as dificuldades causadas pela pandemia, nós reduzimos quase pela metade o número de óbitos em menores de 1 ano de idade em comparação com último ano do governo anterior em 2020 (quando o governo deles estava plenamente estabelecido).

Isto mostra de forma clara que estamos em um processo de reestruturação da saúde de Codó e reiteramos nosso compromisso de levar mais saúde e bem estar à população codoense. 

Parabéns a todos os profissionais que fazem a saúde de Codó.

Traição de Weverton Rocha, o acordo já era esperada por Flávio Dino

A traição do senador Weverton Rocha (PDT) ao acordo que prevê o lançamento de apenas um candidato da base governista ao Palácio dos Leões em 2022 já era esperada por Flávio Dino (PSB).

No sábado (20), em Timon, o pedetista voltou a antecipar que manterá o nome na disputa mesmo que não atenda aos critérios pré-estabelecidos pelo grupo em julho. Ele já havia insinuado não precisar do apoio de Dino para 2022, e aberto diálogo para formação de aliança eleitoral com o senador Roberto Rocha, desafeto do governador do Maranhão.

“É um projeto construído por muitas mãos, de grupo e de sentimento. Estamos bem na pesquisa, temos o melhor grupo político e estamos preparados para enfrentar os desafios que precisamos enfrentar, que é a fome, [falta de] desenvolvimento e da geração de emprego. É um projeto que se consolidou e, obviamente, será submetido à vontade popular nas urnas no ano que vem”, respondeu ao radialista Eliézio Silva, ao ser questionado se a pré-candidatura pode ser retirada ou não.

De acordo com aliados do chefe do Executivo, pelas movimentações do pedetista e ataques de entusiastas do senador, ele já calculava que Weverton repetiria o que fez na eleição de 2020, quando provocou racha, traiu o grupo e fechou apoio com o candidato da oposição à prefeitura de São Luís, Eduardo Braide (Podemos), que terminou eleito.

Marcada inicialmente para ocorrer na semana passada, a reunião entre Flávio Dino e lideranças partidárias para escolha do candidato único do grupo ao governo do Estado foi transferida para o próximo dia 29.

Para ser escolhido, o nome do grupo deve preencher três critérios: lealdade; agregação política; e potencial eleitoral.

Do total de quatro postulantes, até o momento, apenas o vice-governador Carlos Brandão (PSB), sucessor natural de Dino e que passará a comandar o governo do Maranhão a partir de abril de 2022, atende todos os fatores. Ele é ainda o candidato do coração de Dino.

Sem apoio político nem mesmo dentro dos próprios partidos nem viabilidade eleitoral, os secretários de Indústria e Comércio, Simplício Araújo (SD), e de Educação, Felipe Camarão (PT), devem retirar as respectivas pré-candidaturas e, em atendimento ao primeiro critério, de lealdade, seguir com Brandão pela união do grupo e continuidade das ações consideradas exitosas do governo.

Já Weverton, embora tenha reunido em torno de seu projeto parte da classe política maranhense, perdeu forças e vem sendo esvaziado nas últimas semanas por Brandão e até mesmo por Camarão.

Também inviabiliza a escolha de seu nome a avaliação negativa de sua imagem junto à população maranhense, arranhada em razão de envolvimento em conhecidos processos que enfrentou ou ainda enfrenta na Justiça relacionados à desvio de recursos públicos, enriquecimento ilícito e corrupção, além de haver feito defesa de projetos no Senado contrários às políticas públicas adotadas pelo governo dinista, o que o torna infiel ao projeto.

Fonte: Blog do Adonias

Veja quem são os oito desembargadores que poderão deixar de imediato o TJ-MA caso a ‘PEC da Bengala’ seja revogada


A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) da Câmara dos Deputados aprovou na terça-feira (23), por 35 votos a 24, a admissibilidade de uma proposta de emenda à Constituição (PEC) que revoga a chamada “PEC da Bengala”.

A “PEC da Bengala” foi promulgada pelo Congresso em 2015 estabelece a aposentadoria compulsória de ministros de tribunais superiores e do Tribunal de Contas da União (TCU) aos 75 anos. O texto que revoga a PEC reduz a idade para 70 anos.

Se a proposta valer para os atuais ministros e for promulgada antes de 2023, a nova PEC permitiria a aposentadoria imediata dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski, e Rosa Weber, ambos de 73 anos, que, pela regra atual, se aposentam somente em 2023.

E o efeito alcançaria também o Tribunal de Justiça do Maranhão, onde sete dos atuais 28 desembargares possuem mais de 70 anos: Vicente de Paula Gomes de Castro (72 anos), Maria das Graças de Castro Duarte Mendes (72 anos), Lourival de Jesus Serejo Sousa (70 anos), Kleber Costa Carvalho (70 anos), Marcelino Chaves Everton (73 anos), José de Ribamar Castro (72 anos) e Luiz Gonzaga Almeida Filho (70 anos).

Vale ressaltar, que nas últimas semanas deixaram o TJ-MA por completar 75 anos os desembargadores João Santana, Anildes Cruz e Jaime Ferreira.

E MAIS

Se revogada a ‘PEC da Bengala’, o desembargador Douglas Airton Ferreira Amorim ficaria apenas um ano no “poder”, vez que teve acesso ao cargo pelo critério de antiguidade por decisão unânime do Pleno na sessão plenária administrativa do dia 10 de novembro de 2021. Ele possui 73 anos.

Do Blog Do Domingos Costa

terça-feira, 23 de novembro de 2021

Vem ai dia 18 de Dezembro as 5 da tarde muita diversão e lazer na praça de São Sebastião venha e traga sua familia

Essa semana irei divulgar como professores e agentes de saúde irão se inscrever para concorrer aos prêmios.

Uma manhã dedicado a saúde do homem e da mulher codoense. Uma tarde com atividades e competições esportivas lazer e diversão, brinquedos para a criançada fazer a festa e sorteio de muitos prêmios. Aguardem!

Equatorial Maranhão orienta sobre decoração natalina com segurança e economia

Quando chega o mês de novembro, muitas famílias já começam a se organizar para entrar no clima das festividades de Natal, e iniciar a decoração natalina com muitos elementos que remetam ao período mais iluminado e esperado do ano. A saga começa na escolha dos itens de decoração para suas casas e empresas, e é neste momento que se deve estar atento para não cair em armadilhas que podem pesar no bolso e também comprometer a segurança.

Nesse sentido, a Equatorial Maranhão traz informações de utilidade pública que podem auxiliar o consumidor na hora de fazer sua decoração. Segundo o Técnico de Segurança da distribuidora de energia, Carlos Prazeres, o cuidado com a decoração de Natal já deve começar no momento da compra. “É essencial que os produtos luminosos sejam de boa procedência e tenham o selo de certificação do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia) ”, destacou Carlos. “Investir em pisca-piscas com lâmpadas de LED, é a melhor opção de decoração, além de mais bonitas são bem mais econômicas, eficientes, duráveis e ecológicas. Alguns cuidados podem ser tomados para evitar sobrecarga nas instalações elétricas internas das residências, um deles é jamais utilizar uma única tomada para ligar vários aparelhos com o uso de benjamin, o famoso “T”, o ideal é usar o filtro de linha (réguas com várias tomadas e interruptor) ”, complementa.

Para evitar acidentes, é importante, ainda, montar a árvore de natal distante de cortinas ou quaisquer outros objetos/materiais que possam propagar chamas em caso de curto curto-circuito e sempre que for se ausentar de casa a orientação é retirar os itens decorativos da tomada.

Deve-se tomar o máximo de cuidado com a ornamentação de áreas externas, já que nesse período o estado está vulnerável às chuvas e fortes ventos, o que agrava os riscos de acidentes, como choques, curtos-circuitos e até incêndios, além do perigo de quedas. A Equatorial Maranhão orienta a não decorar lugares próximos à rede elétrica, para evitar que encostem nos cabos de tensão, e nunca use os postes da rede elétrica para ornamentação ou para servir de apoio.

Deixar sua decoração natalina segura é importante para que as crianças e adultos possam aproveitar ao máximo essa época sem acidentes com eletricidade. Seguindo essas orientações, você estará protegendo a sua casa e a sua família. Depois é só curtir as festas de fim de ano com segurança.

Em situações de risco com energia é importante ligar para o Corpo de Bombeiros (190) para buscar socorro, e para a Central de Atendimento (116) da Equatorial Maranhão em situações que envolvam a rede de distribuição de energia elétrica.

*Assessoria de Imprensa da Equatorial Maranhão*