sexta-feira, 22 de janeiro de 2021

A pedido do MP-MA, Câmara de Vereadores de Cajapió cancela sessão que trataria de contratações temporárias

Em atendimento à Recomendação do Ministério Público do Maranhão (MP-MA), a Câmara de Vereadores de Cajapió suspendeu a sessão que discutiria, na quinta-feira (21), o Projeto de Lei nº 01/2021, que tratava de contratações temporárias de servidores para o quadro do município, incluindo pintores, pedreiros e auxiliares operacionais de serviços diversos.

A Recomendação foi encaminhada, em 20 de janeiro, pela promotora de Justiça Laura Amélia Barbosa (que responde, temporariamente, pela Comarca de São Vicente Férrer), aos vereadores Edson Serra, Fábio Costa, Maria das Dores Serra, Senilson Dias, Carlos Jorge Costa, Miguel Ribeiro Filho, Diego Pinto, José Augusto Costa, Patricia Penha, Raimundo Dinis e Stella Rodrigues. Cajapió é termo judiciário de São Vicente Férrer.

O projeto, enviado à Câmara Municipal, em 7 de janeiro, pelo prefeito Marcone Pinheiro Marques (mais conhecido como Dr. Marcone) não contém estudos de impacto orçamentário e de necessidade dos cargos e também não indica a forma de realização do processo seletivo para contratação dos servidores.

“Além disso, a admissão de pessoal no serviço público em desconformidade com o ordenamento jurídico em vigor caracteriza ato de improbidade administrativa, sujeitando o responsável a diversas penalidades”, alertou a representante do MP-MA, na Recomendação. “As penas incluem a perda da função pública, reparação do dano causado e suspensão de direitos políticos por até cinco anos e pena de detenção de três meses a 3 três anos”.

Informações do MP-MA/Via Marcial Lima

Agora sim é pra valer - Flavio Dino cancela confirma cancelamento de carnaval no Maranhão

A Secretaria de Estado da Cultura (Secma) do governo Flávio Dino (PCdoB) confirmou hoje (22), por meio de nota, o cancelamento do Carnaval do Maranhão, nos moldes como vinha sendo realizado nos últimos anos – com circuitos no Centro Histórico de São Luís e cidades do interior.

Segundo o comunicado, a decisão foi tomada em virtude do fato de que, até agora, não há vacinação em massa no país.

Apesar disso, a Secma não trata na nota da proibição de pequenas festas privadas – mas com a ressalva de que estas sejam feitas com até 150 pessoas, como determina decreto estadual.

Veja a nota:

“A Secretaria de Estado da Cultura (Secma) informa que, em razão da falta de vacinação em massa contra a Covid-19, o Governo do Maranhão decidiu não realizar qualquer evento que gere grandes aglomerações, a exemplo do carnaval. Eventos desse porte só serão retomados pela gestão estadual quando houver segurança sanitária e liberação das autoridades de saúde competentes.

Também não há previsão de nova data para celebração do carnaval 2021. A definição de um novo calendário da festividade no Maranhão dependerá da liberação das autoridades em saúde pública.

A Secma esclarece ainda que continuará realizando ações em apoio aos profissionais da arte, assim como foi feito em 2020, quando foram lançados editais públicos com recursos estaduais e por meio da Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc (Lei Federal n° 14.017/20), que beneficiou mais de 3.000 fazedores de cultura de todo o Maranhão.

A fiscalização de festas privadas de pré-carnaval que eventualmente descumpram o decreto estadual n° 36.203, de 30 de setembro de 2020 – norma que autoriza apenas eventos com no máximo 150 pessoas – cabe às prefeituras, à Superintendência de Vigilância Sanitária (Suvisa) e à Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP).”

Fonte: Blog do Sabá

Prefeitura de Codó abre matriculas para escola cívico Militar para estudantes excedentes


De 25 a 29 de janeiro, os pais de estudantes sorteados como excedentes para a Escola Cívico-Militar de Codó ou seus responsáveis poderão se dirigir a referida escola para realizarem as matrículas dos mesmos.

Oportunamente, os pais de estudantes sorteados dentro do número de vagas inicial ofertado e que não fizeram ou concluíram as suas matrículas, poderão realizá-las ou concluí-las neste mesmo período.

Para a matrícula os pais ou responsáveis deverão estar munidos dos documentos necessários, conforme relação abaixo:

Declaração da Escola ou Certidão de conclusão (original);
2 fotos 2X4;
Xerox da Certidão de Nascimento ( Aluno);
Xerox do Cartão do Bolsa Família;
Xerox do Cartão do SUS;
Xerox do RG e CPF dos responsáveis;
Xerox do RG e CPF do aluno;
Comprovante de Residência;

Qualquer dúvida ou necessidade de esclarecimento podem ser tratadas com os colaboradores que estarão atendendo na própria escola.

SEMECTI
Governo “Cidade de todos”.

Parte do Gás roubado em Peritoro é encontrado em distribuidora de Codó

O texto abaixo foi enviado ao blog do de Sá por meio da assessoria da Polícia Civil de Codó. No texto abaixo, os relatos dão conta de que a distribuidora de gás estava comprando gás de procedência duvidosa.

A Polícia Civil do Estado do Maranhão, em ação conjunta entre a 4ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Codó, e a 17ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Caxias, recuperou, em 20.01.2021, uma carga de aproximadamente 630 botijões de gás, roubados na madrugada do dia 19.01.2021, no Município de Peritoró – MA. 

Na ocasião do roubo, os assaltantes, armados com armas longas, renderam o motorista do caminhão, que estava com a família, e o levaram, bem como a família dele, para um matagal, onde o mantiveram cativo até a desova da carga e do veículo que a transportava, que foi encontrado posteriormente na região da Caxuxa, em Alto Alegre – MA. Os objetos foram encontrados em depósitos e revendas de gás situados nas cidades de Codó, Aldeias Altas e Caxias. 

Os estabelecimentos pertencem a um indivíduo, já identificado pela Polícia Judiciária. As investigações prosseguem para a identificação de todos os envolvidos na cadeia delitiva. Só lembrando que a polícia chegou à distribuidora de gás, após denúncia dos vizinhos que acharam estranho um caminhão descarregando gás no local em plena 3 hs da madrugada”.

Texto enviado ao BLOG DO DE SÁ

Rafael Tay é assassinado com varios tiros na Avenida Cristóvão Colombo no Bairro Trizidela

Na madrugada de quinta para sexta-feira (22), por volta das 00: 40 minutos, Pedro Rafael Ribeiro, 35 anos, mais conhecido por “Rafael Tay, foi executado na Avenida Cristóvão Colombo na cidade de Codó. 

Segundo relatos minutos após o fato, Rafael teria saído  de um bar na região da Trizidela em Codó quando foi surpreendido por homens que pilotavam uma moto. Um deles disparou várias vezes contra Rafael Tay que morreu no local.

Uma jovem que andava com a vítima na moto também foi atingida por um dos disparos, ela foi encaminhada para o hospital e recebeu acompanhamento e está fora de perigo. Pedro Rafael Ribeiro “Rafael Tay” já tinha várias passagens pela polícia por receptação de carros roubados. Ele também era suspeito de um homicídio ocorrido em Codó em Julho de 2020.

Informações do Blog do de Sá

quarta-feira, 20 de janeiro de 2021

Na presença de três filhos, mulher é assassinada pelo companheiro


O homem assassinou sua companheira na presença dos três filhos dela, sendo que o bebê de dois meses também é filho dele. Atina Cláudia José de Souza, 25, foi foi morta na própria casa, na Zona da Mata mineira, ontem, terça-feira (19/1) As outras duas crianças têm 2 anos e 4 anos.

O assassino matou a mulher com tiros e permanece foragido.

Fonte: Luís Cardoso

DOIS PESOS E DUAS MEDIDAS! Governo inicia vacinação contra Covid-19, mas não acaba com aglomeração em shows

É, no mínimo, contraditório a realização de shows em São Luís nesse momento que todos os esforços estão voltados para a vacinação contra a Covid-19. Na última segunda-feira (18), o Governo do Estado recebeu o primeiro lote das doses da Coronavac, e logo em seguida iniciou a imunização dos primeiros maranhenses.

Mesmo diante desse cenário, está programado um show em São Luís para o próximo sábado (23), com a participação de Tarcísio do Acordeon e Pisadinha de Luxo. A divulgação está sendo realizada pelas redes sociais.

Se não houver uma intervenção por parte do Ministério Público Estadual, o show deve acontecer normalmente, e reunir um número grande de pessoas; o que é um risco enorme diante da pandemia da Covid-19 que ainda enfrentamos.

São Luís tem uma população de mais de um milhão e cem mil pessoas, mas apenas 18.266 pessoas devem ser imunizadas nessa primeira etapa. Uma parcela mínima vai ser vacinada, o que nos faz refletir que as recomendações sanitárias ainda devem ser obedecidas, a fim de evitar o alastramento da doença, que vem registrando aumento de casos em todo o mundo.

Diante da gravidade do cenário atual, promover festinhas é um ato irresponsável e perigoso. O distanciamento social ainda é uma das maneiras mais eficazes de coibir o contágio da Covid-19. Lamentável a autorização desse evento em São Luís.

Fonte: Luís Pablo