Rádio Eldorado de Codó

sexta-feira, 18 de setembro de 2020

Magno Bacelar não pode concorrer em Chapadinha


Com medo de ser impedido de seguir na disputa pela reeleição à Prefeitura de Chapadinha, Magno Bacelar recorreu à Justiça Federal para tentar suspender os efeitos dos acórdãos do Tribunal de Contas da União, que julgaram irregulares as contas do município. 

No entanto, o Juiz Federal da 14ª Vara do Distrito Federal, Waldemar Cláudio de Carvalho, indeferiu, na última segunda-feira (14), a Tutela de Urgência. Com a decisão, a situação de Magno Bacelar complicou. O prefeito ficha-suja não poderá assumir o cargo, caso reeleito. 

Magno Bacelar possui três processos transitado em julgado, no Tribunal de Contas da União. O prazo final do processo mais recente é 18 de julho de 2027. Até lá, Magno Bacelar deve ficar inelegível.





Nenhum comentário:

Postar um comentário