Rádio Eldorado de Codó

sexta-feira, 19 de novembro de 2021

Mais de 9 mil beneficiarios do programa tarifa social de energia eletrica deixaram de atualizar o cadastro em caxias

Muitos clientes maranhenses de baixa renda, cadastrados na Tarifa Social de Energia Elétrica, não realizaram a atualização do cadastro junto ao CRAS no prazo de dois anos conforme as regras do programa. Somente em Caxias, 9.345 beneficiários estão com o NIS (Número da Identificação Social) vencido e podem perder o benefício do programa do Governo Federal que dá até 65% de desconto na conta de energia.

Frente a essa realidade, a Equatorial Maranhão traz esse importante alerta: até o fim do ano 1.334 famílias caxienses ainda precisarão fazer essa atualização cadastral, antes que o número da identificação social também vença. Renato Mendes, Gerente de Relacionamento Com o Cliente da Equatorial Maranhão, explica que “atualmente, as faturas de energia vêm com um informativo em forma de selos, para que as famílias de baixa renda possam acompanhar a situação do seu cadastro. Os selos mostram se é beneficiário do programa, se o NIS está prestes a vencer ou se o benefício foi cancelado, indicando a regularização dos dados”, pontua.

Renato esclarece também que a Distribuidora vem fazendo constantes treinamentos com as equipes dos CRAS dos municípios, para que eles tenham todas as ferramentas necessárias para instruir e cadastrar essas famílias no programa. “Recentemente realizamos em Caxias o I Whorkshop da Tarifa Social de Energia Elétrica, onde reunimos as assistências sociais de Caxias, Aldeias Altas e São João do Sóter. Na oportunidade, apresentamos a nossa plataforma SOMOS, que estamos implantando nos CRAS para que o cliente não precise mais entrar em contato com a Equatorial para ter o desconto na conta de energia. Com isso, no próprio CRAS, na hora do cadastro, o cliente baixa renda já se torna beneficiário do programa tarifa social, automaticamente”.

Kiara Braga, Secretária Adjunta de Assistência e Desenvolvimento Social de Caxias, reforça o empenho em cadastrar cada vez mais famílias. “Agradecemos a parceria com a Equatorial para que a gente possa, cada vez mais, aumentar o número de beneficiários no programa. O nosso papel é trabalhar para garantir esse direito para quem precisa. Por isso, realizamos mutirões de cadastros para que mais famílias possam fazer parte e usufruir desse benefício”, ressalta a secretária.

Para saber se você tem o NIS ou se ele ainda está ativo, ligue para a Central de relacionamento da Secretaria Especial do Desenvolvimento Social: 0800 707 2003.

Nenhum comentário:

Postar um comentário