Rádio Eldorado de Codó

quinta-feira, 16 de junho de 2022

Corpo de maranhense encontrada morta dentro de barragem no Rio Grande do Sul chega ao Maranhão; vítima estava grávida de dois meses

Ontem quinta-feira (15), chegou ao Maranhão o corpo da maranhense Vanessa Cruz Gomes, de 24 anos, que foi encontrada morta dentro de uma barragem, na cidade de São Francisco de Paula, no Rio Grande do Sul.  A vítima estava grávida de dois meses.

O corpo de Vanessa foi encontrado por populares, no último domingo (12), com sinais de violência. 

A suspeita é que ela tenha sido vítima de feminicídio, e o suspeito de praticar o crime já foi preso e confessou o assassinato.

Vanessa foi levada para o povoado Pacas, na cidade de Pedreiras, a 245 km de São Luís, para ser velada pela família, após ter o corpo liberado pelo Instituto Geral de Perícias (IGP) do Rio Grande do Sul, onde passou por exames periciais. O enterro da jovem será no cemitério da cidade.

Vanessa era natural de Pedreiras e tinha ido para o Rio Grande do Sul para trabalhar em uma plantação de maçã, na cidade de São Francisco de Paula.

Segundo a polícia, a vítima foi encontrada nua, com as mãos amarradas e com marcas de violência sexual. O caso é investigado pela Polícia Civil do Rio Grande do Sul como crime de feminicídio.

O principal suspeito do crime já foi preso em flagrante e confessou ter matado a jovem. Na hora da prisão, o homem estava usando roupas com vestígios de sangue. Em depoimento, ele contou que costumava se encontrar com a maranhense e, na noite do último sábado (11), Vanessa e ele se encontraram em um bar, localizado em São Francisco de Paula, onde acabaram discutindo. O homem, que já tem antecedentes criminais, alega ter matado a jovem em legítima defesa.

A maranhense Vanessa Cruz Gomes deixou três filhos menores de idade e estava grávida de dois meses.

G1MA

Nenhum comentário:

Postar um comentário